terça-feira, 25 de outubro de 2011

Expedição Antártica 2011 - 6º Dia - Estreito de Drake - Deception Island

Diário de Bordo em 27 de janeiro de 2011 - quinta-feira


Temperatura: 0°C
Céu: aberto
Vento: leve
Velocidade do vento: 10.5 Kn
Direção deslocamento: Deception Island
Velocidade de deslocamento: 7.5 Kn
Barômetro: 994 hPa/993.7 hPa
Condição do mar: ondas quebradas, mas menores
Coordenadas: 62°55’67.3" S; 60°41'040"W
Local: Estreito de Drake com Snow Island por bombordo



As 03:15 hs ouvi muito barulho e percebi que o mar estava mais amistoso e me levantei. Também não agüentava mais. O Oleg estava no leme e me mostrou uma ilha que se parecia com uma nuvem no limiar do céu com o mar. Uma alucinação. Detalhe: 03:15 h e há luz. Essa ilha que está em nosso Be e em nosso Bb está SNOW ISLAND.


Snow Island
Em nossa proa DECEPTION ISLAND. Previsão de chegada próxima das 10:00 horas. Fui para a cama e dormi gostoso. O mar estava mais tranqüilo. Levantei pelas 09:00 horas e estávamos com a DECEPTION em nosso Bb. Gigantesca.

DECEPTION ISLAND é engraçada. Ela é uma ferradura com uma pequena abertura por onde você passa para seu interior. Quase uma lagoa, mas grande. No fundo, de quem entra, bem no fundo, há outra enseada muito menor. Entramos nela e o Oleg jogou a proa na areia.


Formação de Deception Island no radar do Kotic... uma ferradura

Outra curiosidade daqui é que é uma ilha de formação vulcânica que teve sua última atividade em 1967, onde se gerou exatamente essas pequenas lagoinhas onde estamos.

Aqui é rocha e rocha moída. Ah! Tem neve também. Mas como estamos no verão apenas resquícios dela.

Hoje pela manhã fui à terra dar graças à Deus pela sua bondade e grandeza. Depois disso corri atrás de uma foca peleteira. Ela que perdia seu couro para os caçadores. Também subi num morro próximo e pude tirar algumas fotos incríveis de toda a baía interna de DECEPCION.

Há uma estação baleeira abandonada de muito e há também duas estações meteorológicas, sendo uma argentina e outra chilena. NA: na verdade espanhola, fiquei sabendo depois.

Ficamos todos esses dias sem conseguir usar o telefone iridium.

Hoje consegui usar o aparelho e falei com a MELISSA que atendeu a ligação. Já na seqüência falei com a RITA. Depois liguei novamente para poder falar com a RITA, FE e com o JOÃO. Todos estão bem, graças a Deus. Fico bem também.

Creio que ficaremos imóveis aqui até amanhã a noite ou a tarde. Depois iremos até a Península Antártica.

Ah! As 03:30 horas e depois as 10:30 horas aproximadamente vi baleias. Muito rápido mas as vi. Primeiro percebi um esborrifo de água em meio ao mar e na sequência a cauda da primeira. A segunda vi por duas vezes suas costas. Pinguins já são pardais. Petréis e outras aves tantos.

São 17:06 horas com 1000 hPa, subindo a pressão, céu azul de pouquíssimas nuvens e muito frio seco lá fora.

O IGOR está limpando os traseiros de carneiros. Um o BENE pediu para fazer e vai deixar marinando em vinho até amanhã.

Vou convidar a RITA para vir até USHUAIA me esperar chegar e irmos embora juntos.

Continua...
Boa navegação a todos!

Capitão Gutemberg.

Comandante da Embarcação Odyssey.