segunda-feira, 24 de maio de 2010

Dicas sobre navegação

Diário de Bordo em 24 de maio de 2010

Dicas valiosas recebidas por e-mail do Ney, um dos brokers mais respeitados do litoral, com o título: Você sabia que no mar também se leva multa?

São regras que muitos se esquecem, mas que levam a uma navegação mais segura para todos. Vale a pena relembrar...

Dica do Capitão Gutemberg: mostre-as aos seus marinheiros e marinheiros, lembrem aos seus patrões...

As dicas:

Voce sabia que:

De acordo com o Decreto nº 2.596 de 18 de maio de 1998:

  • conduzir embarcação sem habilitação, estará infringindo o artigo 12 que preve multa de até R$ 1.600,00;
  • deixar de inscrever ou registrar a embarcação, estará infringindo o artigo 16 que preve multa de até R$ 1.600,00;
  • transportar excesso de passageiros ou exceder a lotação autorizada, estará infringindo o artigo 22 que preve multa de até R$ 3.200,00;
  • conduzir a embarcação em estado de embriaguez ou após uso de substância entorpecente ou tóxica, quando não constituir crime previsto na lei, estará infringindo o artigo 23 que preve a suspensão da habilitação até 120 (cento e vinte) dias. A reincidência sujeitará o infrator ao cancelamento da habilitação;
  • trafegar em áreas reservadas a banhistas, estará infringindo o artigo 23 que preve multa de até R$ 1.600,00;
  • velocidade superior a permitida, estará infringindo o artigo 23 (?) que preve multa de até R$ 800,00;
  • permitir que pessoa não habilitada conduza sua embarcação, artigo 11, que preve multa de até R$ 2.200,00;
  • conduzir a embarcação sem portar a documentação relativa a habilitação, estará infringindo o artigo 12, que preve multa de até R$ 200,00;
  • conduzir embarcação sem portar o documeto de inscrição, estará infringindo o artigo 16, que preve muta de até R$ 800,00;

Estas são algumas das infrações mais frequentes registradas pelos Inspetores Navais. Para saber mais, consulte na íntegra o decreto 2.596 (RLESTA).

Fonte: Portal do Amador

O Ney presta um bom serviço à comunidade náutica de nossa região (litoral paulista) com essas dicas e parabéns também ao Portal do Amador.

Já denunciei antes aqui, neste espaço, e volto a lembrar, o canal de Bertioga está sofrendo com o excesso de velocidade que incomoda a vida de todos os usuários e destrói a vegetãção da orla dos manguezais.

Ninguém gosta de ver seu tempo de lazer "prejudicado" por fiscalizações, mas temos que mudar nossa mentalidade e entendermos que as fiscalizações buscam assegurar tranquilidade a todos, principalmente aos que cumprem a lei.

No mar não há espaços para erros, e se houver são muito menores que em outros lugares. O prazer de sair numa navegada é tão bom quanto o de voltar ao porto seguro.

Vamos fazer nossa parte e colaborar com os Inspetores Navais da Marinha. Basta para isso cumprirmos as regras lembradas acima.

PS: não se esqueçam de que não são simples dicas, é lei!

Boa navegação à todos!

Capitão Gutemberg

Comandante da Embarcação Odyssey